Martes 2 de Junio de 2020
El portal de la papa en Argentina
-4.48%Variación precio
puestos MCBA
  • Intervalos nubososBalcarceBuenos Aires, Argentina
    - 14°
  • Cielos despejadosVilla DoloresCórdoba, Argentina
    - 17°
  • Intervalos nubososRosarioSanta Fe, Argentina
    - 16°
  • Cielos nubosos con nevadasEstacion UspallataMendoza, Argentina
    -1° - 14°
  • Cielos despejadosCandelariaSan Luis, Argentina
    - 17°
  • Cielos nubosos con lluvias débilesChoele ChoelRío Negro, Argentina
    - 16°
  • Cielos despejadosSan Miguel de Tuc.Tucumán, Argentina
    - 17°
Ampliar
 Buscador de Noticias
Latam 12/03/2020

Brasil: Chuvas impactam rentabilidade da batata em MG

EM GUARAPUAVA (PR) E ÁGUA DOCE (SC) RESULTADOS SÃO POSITIVOS

O preço médio da batata beneficiada tipo ágata, ponderado pela classificação, fechou em R$ 62,29/sc de 50 kg em fevereiro, nas regiões acompanhadas pelo Hortifruti/Cepea – 14% acima dos custos de produção. Apesar de positivo, o resultado continua bem abaixo da média em algumas praças, com produtores relatando prejuízos. Por outro lado, em outras localidades, como no Sul, a rentabilidade está acima da média.

No Sul de Minas Gerais, por exemplo, o preço médio de fevereiro foi de R$ 49,78/sc de 50 kg, 19% abaixo dos custos de produção para o mesmo período – de R$ 61,24/sc. Já em Guarapuava (PR), a cotação média foi de R$ 60,46/sc, e em Água Doce (SC), de R$ 73,53/sc, valores 22% e 54,8% acima dos custos de produção, respectivamente, os quais encerraram o período em R$ 49,40/sc e R$ 47,50/sc.

Na parcial deste mês (até o dia 10), o cenário segue semelhante ao de fevereiro, devido a fatores já observados em meses anteriores. Em Minas Gerais, os preços mais baixos e os custos elevados se devem às frequentes chuvas, que prejudicam a produtividade e a qualidade das batatas. Nas regiões sulistas, por outro lado, como as chuvas têm permanecido abaixo da média histórica durante a safra (sem causar severos danos à produção), os custos estão inferiores aos de MG e os preços, maiores, já que a qualidade é considerada positiva.

Apesar dos bons resultados no Sul, alguns produtores reclamam da falta de chuva. Em Guarapuava, a irrigação tem colaborado para a boa produtividade, mas a permanência deste cenário (menor volume pluviométrico) pode prejudicar a produção nos próximos meses. Mesmo assim, para o decorrer de março, mudanças significativas não são esperadas para o mercado de batata, tendo em vista a previsão de manutenção das chuvas em MG.

Fuente: hfbrasil.org.br/


Te puede interesar